mantener a Astrologos del Mundo cuesta tiempo y dinero , si quieres colaborar te lo agradecemos Gracias de antemano!!!!!!

Escribo muy lentamente en español y parece que no tendré tiempo para hacerlo antes antes de que la tormenta "Sandy" sea peligrosa.

Este estudio es sólo un intento de mostrar el valor astrológico de de los nuevos planetoides. Me falta el tiempo y las condiciones para la realización de un estudio satisfactorio

TEMPESTADE SANDY: DESTRUTIVA MAS POUCO MORTAL

Em espanhol, eu escrevo muito lentamente e parece que eu não terei tempo para fazê-lo, antes que a tempestade Sandy torne-se perigosa.

Este estudo é apenas uma tentativa de exposição do valor astrológico dos novos panetoides. Falta-me tempo e condições para a realização de um estudo satisfatório.

Neste final de Outubro de 2012, eu não previ o recente terremoto 7.7 nas Ilhas Graham, do arquipélago Haida Gwaii (Colúmbia Britânica, Canadá), e também errei quanto a importancia do fraco tsunami que se seguiu. Mesmo assim, eu tenho algo a dizer e muitos estudos a publicar sobre tempestades, como esta que está sendo denominada Sandy.

Desde o início de 2009, abandonei URANO pelo centauro 1996 RX33, como o principal regente astrológico das tempestades e, também, da velocidade e eletricidade. O estudo astrológico de qualquer tornado, furacão, tempestade, de um acidente ou de um acidentado veloz e eletrificado sempre mostrará que, dentre os dominantes, um sinal astrológico sempre estará conjunto a algum destes quatro graus na eclíptica zodiacal.

As pequenas estrelas deste símbolo indicam que trata-se de um sinal gráfico para «des astres» e o desenho central representa um tornado sobre um raio.

 

É importante observar que os graus zodiacais 25° de ambas as extremidades do eixo nodal deste elétrico e veloz centauro 1996 RX33 (nodo ascendente em Leão e o descendente em Aquário) coincidem com os MOMENTOS ORBITAIS CARDIAIS do asteróide indicador de chuvas, GEFION:

Também, outros planetoides devem ser considerados para o estudo de tempestades, dentre os quais:

MELPOMENE, asteróide regente das águas;

GEFION, o asteróide indicador de chuvas;

1999 OX3, o TNO indicador das torrentes, naufrágios e afogamentos;

2004 TF282, o TNO mais destrutivo que eu já encontrei.

Ainda outros planetas que devem ser conhecidos:

TEHARONHIAWAKO, o TNO que assinala a mortandade.

2000 QB243, o TNO que assinala os sobreviventes;

A seguinte interpretação está ilustrada no mapa publicado mais abaixo

Atualmente, o centauro 1996 RX33 (02° Gm) se aproxima de uma quadratura com o TNO da mortandade, TEHARONHIAWAKO (06° Ps). Mas tal quadratura indicadora de tempestades com elevado número de vítimas fatais ainda não é exata e nenhuma posição astrológica a está agravando, atualmente. Ela será mais exata somente no segundo semestre de 2013. Por ora, ao contrário, temos sólidos sinais de que não haverá mortalidade elevada nas tempestades, até, pelo menos, durante a maior parte do ano de 2013. É o que nos sinalizam JÚPITER e o TNO da sobrevivência, 2000 QB243 (23° Ps). Este, em seu transito pela nefasta região zodiacal do periélio de 1996 RX33 (27° Ps), a pior para a ocorrência de tempestades na Terra, garante muitos sobreviventes. Quanto à presença de JÚPITER em Gêmeos (15° Gm), no grau mais feliz, o afélio, da orbita do TNO da sobrevivencia, 2000 QB243 (afélio em 14° de Gêmeos) nos diz que a sorte favorecerá a sobrevivência mais do que seria razoável. Heliocêntricamente ou geocêntricamente, a sobrevivência será favorecida por Júpiter até abril de 2013. Sem este sinal de JÚPITER, TEHARONHIAWAKO seria mais amargo, visto que, transitando pela região do periélio de MARTE (06° de Peixes) ele assinala alta mortandade em guerras e incêndios.

QUANDO A TEMPESTADE SANDY SERÁ FORTALECIDA

Felizmente a posição da LUA CHEIA na ecliptica não agravará nenhum grau zodiacal tempestuoso e, por transito, demorará até 24 de Novembro próximo para que o Sol, no segundo grau de Sagitário, se oponha a este centauro 1996 RX33, que, então, ainda estará no segundo grau de Gêmeos. Depois, os sinais de graves tempestades ficarão para entre 9 e 14 de Fevereiro, quando o SOL transitará pelo final tempestuoso e chuvoso de Aquário (periélio de GEFION e nodo descendente de 1996 RX33) e entre 16 e 18 de Março, na visita anual do Sol ao mais difícil grau do planetoide das tempestades, o periélio (27° Ps).

De acordo com o posterior transito da Lua, as tempestades (1996 RX33) e as chuvas (GEFION) serão especialmente fortalecidas nos seguintes momentos:

Entre 26°e 27° de Touro (31 de OUTUBRO de 2012), quando a Lua cruzar o equador celeste rumo ao hemisfério sul, fortalecendo a quadratura que os seus nodos fazem ao eixo nodal deste centauro 1996 RX33;

Quando a Lua finalmente encontrar-se no mesmo grau em que esta posicionado este centauro 1996 RX33, em 1°/2° (helioc./geoc.) de Gêmeos (31 de OUTUBRO de 2012)

Quando a Lua, em 27° de Gêmeos fizer quadratura ao eixo transverso do centauro das tormentas, 1996 RX33 (3 de NOVEMBRO de 2012)


Visitas: 361

Comentar

¡Necesitas ser un miembro de Astrologos del Mundo para añadir comentarios!

Participar en Astrologos del Mundo

Comentario por Antônio Carlos Costa Lima Vieira el octubre 31, 2012 a las 9:33am

El fuego en Breezy Point, Queens, Nueva York, N.Y. me hizo volver mi comprensión del centauro Pelion , en 30 de octubre de 2012.

En enero de 2008, he pensado de Pelion como la fuerza de los vientos. Más tarde, lo estaba entendiendo Pelión sólo como un indicador de revoluciones, revolucionarios y velocidad. El fuego me hizo reanudar como un indicador primario de fuertes ráfagas.

1996 RX33 es electricidad y tormentas. Pelion es la fuerza y la velocidad de los vientos.

Voy a explicar mejor más adelante.

© 2020   Creado por Roberto.   Tecnología de

Emblemas  |  Reportar un problema  |  Términos de servicio